Devaneios tolos... a me torturar.

domingo, 11 de dezembro de 2011

Porta trancada. Luz apagada.

Às vezes viramos as costas. Batemos a porta. Mas esquecemos que é o destino quem possui todas as chaves. Por isso mesmo, não acho que seja sábio dizer... nunca mais. Quando você menos espera, encontra novamente a porta entreaberta. E não há como prever o que virá através dela.

2 comentários:

  1. Olá!!

    Eu gosto muito de pensar que não traçamos o destino, vivemos nele. Mas hj, levando isso para certo assuntos da minha vida, não consigo mais acreditar nisto, infelizmente há coisas que jamais podem voltar e outras que jamais deveriamos deixar voltar a entrar na nossa vida...

    Bjs

    ResponderExcluir
  2. Nuca mais é uma palavra muto forte, e que infelismente ou felizmente, não costumo usar, pois "nunca diga nunca", afinal não sabemos o que ainda há por vir.
    bjs!

    ResponderExcluir