Devaneios tolos... a me torturar.

quarta-feira, 6 de março de 2013

Encontro

Não importa quantas vidas cruzam nosso caminho, nem quanto tempo permancemos neste cruzamento. Importa em quantas vidas deixamos nossa marca para sempre, depois do encontro.
 

Um comentário:

  1. Ha, o que falar do Amor...simplesmente amo, amar..., é a essencia para o amadurecimento do ego e da alma, quando é recícropo..é claro!

    ....

    Cada pessoa que passa em nossa vida, passa sozinha, é porque cada pessoa é única e nenhuma substitui a outra! Cada pessoa que passa em nossa vida passa sozinha e não nos deixa só porque deixa um pouco de si e leva um pouquinho de nós. Essa é a mais bela responsabilidade da vida e a prova de que as pessoas não se encontram por acaso.

    Charles Chaplin

    ResponderExcluir