Devaneios tolos... a me torturar.

sábado, 2 de março de 2013

O tombo que antecede a glória

Oi geeeente!



Você foi medido. Você foi pesado. E foi considerado insuficiente.


A frase aí em cima é do filme ‘Coração de Cavaleiro’, e obviamente o considerado ‘insuficiente’, no final, mostra para quem o mediu e o pesou, que jamais podemos subestimar a força de alguém.

Abordo esse assunto, primeiro porque fui jurada do Garota Verão local, e segundo porque acompanhei o processo de escolha do Garota Verão Regional, sediado por Guaporé. Um concurso de beleza resume, em poucas horas, nossa luta de uma vida toda: mostrar para quem nos julga, que somos os melhores.

Primeiro, julgar a beleza de alguém, é tarefa ingrata. A beleza é diferente aos olhos de cada um. Claro que se uma candidata não tiver os dois dentes da frente, fica fácil. Mas dada a perfeição das meninas, a única alternativa viável, é achar-lhes defeitos.

Essa tem a unha do dedinho encravada, aquela está dois gramas acima do peso, aquela outra tem o dente molar torto, o cílio daquela lá está virado para o outro lado.

É horrível julgar. Mas, diante de tanta beleza, mais de 20 meninas concorrendo a duas vagas, a tarefa dos jurados é essa.

O que eu quero dizer com isso, é que nem sempre a nossa grande oportunidade está em determinada ocasião.

Na maioria das vezes, nossas chances não chegam quando esperamos. Elas chegam no MOMENTO CERTO.

Quantas meninas que hoje são milionárias modelos internacionais receberam um sonoro ‘não’ de uma agência? Quantos testes, quantos desfiles, quantas portas se fecharam, até a porta certa se abrir?

Na minha opinião, a maior vitória está na coragem e perseverança de correr atrás do sonho, sem desistir fácil.

Perseverar, essa é a palavra.

Nos concursos de beleza e na vida, somos julgados o tempo todo. Pesados, medidos e considerados insuficientes, muitas vezes. Desde o tempo em que éramos meros espermatozóides, estávamos em competição. Daquela vez ganhamos, mas...

Quem nunca:
Perdeu uma vaga de emprego ou um amor para outra pessoa? Quem nunca recebeu um não em uma seleção, ou foi derrotado na disputa dos 500m rasos ?

Quem nunca:
“Ganhou” uma disputa de amor, de salto em distância, uma vaga de emprego ou uma promoção?

Se olharmos por esse lado, somos julgados o tempo todo. Mas precisamos entender que cada um de nós é único em beleza, talento, personalidade. E que nossas características acabam nos conduzindo ao nosso lugar no mundo.

Aí, aparece a oportunidade certa, a porta certa, a vaga de trabalho certa, a pessoa certa.

Você não foi julgado insuficiente. A oportunidade é que era insuficiente para você. Ela, naquele momento, pertencia à outra pessoa.

Cair todo mundo cai, mas é preciso saber como levantar-se para alcançar o sucesso.

Basta ter competência, preparo, dedicação, sinceridade e paciência, para aguardar a SUA vez. E a oportunidade feita sob medida para você sempre chega!

Beijos meus amores!

Um comentário:

  1. There was a point when I was single that I used to judge people I
    dated by whether they liked cats or not. The benefits of
    having high thread count sheets is that mills are forced to create much finer threads in order to increase the
    amount of threads in a square inch (keeping in mind that they don't also increase the ply). This is also probably one of the easiest forms of advertising, with only an advert designed for a specific box needing to be created. Assuming there is a God and assuming that the Bible is God's
    word and an historical record of His activities (and you won't hear anything to the contrary in church and from other formal Christian religious organisations) then the standard hype you hear, the standard image projected of God (and son) tends to be 'warm
    and fuzzy'. Finer threads usually result in a much smoother and softer fabric.

    My web-site; egyptian newspapers

    ResponderExcluir