Devaneios tolos... a me torturar.

quarta-feira, 10 de outubro de 2012

Abraços são pontes

Abraços...



Braços estendidos são pontes.


Muitas vezes precisamos atravessar rios, precipícios ou pequenos vãos em nossas vidas, e os braços estendidos são pontes.

Pontes de afeto, apoio, amor e carinho.

Braços abertos são pontes.

Braços que se enlaçam são laços.

Laços são aconchego, morada, proteção.

Quem não tem braços estendidos ou braços enlaçados não tem casa, não tem morada.

Buscamos, ao longo do nosso caminho, os mais diferentes braços: de amizade, profissionais, braços que nos apertam e não nos largam, que chamamos de amor.

Alguns são abraços ternos e curtos, outros fortes e permanentes, mas quem foi abraçado de verdade por alguém, jamais esquece a sensação que vivenciou.

Precisamos de pontes, de laços, de abraços.

Mas será que sabemos estender os braços?

Muitas vezes nos colocamos no papel de vítimas do abandono, da frieza, do materialismo e da solidão.

Esperamos que as pessoas cheguem até nós, mas parados, não alcançaremos ninguém.

Encontros são passos dados por duas ou mais pessoas, muitas vezes de lados opostos, para um ponto em comum.

Encontros acontecem motivados por um desejo ou pelo destino. Mas precisam ser aproveitados de coração aberto.

Fique aberto aos encontros positivos que a estrada proporciona. Caminhe. Vá adiante. A direção é o que menos importa, porque qualquer que seja o caminho, as boas surpresas aparecem.

E quando acontecem verdadeiras comunhões de alma, você não se sente um, se sente único.

Porque quem te encontra com o coração, vê você como alguém inigualável, indispensável, insubstituível.

E sentir-se assim é a melhor sensação que podemos experimentar na vida.

Estenda seus braços, feche seus olhos, deixe-se abraçar, mas acima de tudo, ofereça seu abraço.

O aconchego de, entre duas pessoas, sentir-se um, é a verdadeira felicidade.


A todos que são sinceros na emoção, meu beijo, de coração.



2 comentários:

  1. "Se a gente cresce com os golpes duros da vida, também podemos crescer com os toques suaves da alma"..."

    Cora Coralina

    Te cuida mas não te comporta.
    Um grande abraço

    ResponderExcluir
  2. Verdade, amo essa frase!! Te cuida e te comporta! ;)

    ResponderExcluir