Devaneios tolos... a me torturar.

sexta-feira, 7 de agosto de 2009

Você tem medo de que?!


Oi geeeeeeeeeeeeente!
Hoje vou falar sobre o sentimento mais limitador que existe: o medo.

O medo engessa. O medo não permite que aproveitemos as emoções. Faz com que percamos as oportunidades. Faz com que fiquemos infelizes, presos a eterna pergunta:

-Como teria sido se eu tivesse enfrentado o medo e tentado?

Falo isso por alguns motivos óbvios: primeiro porque estamos em plena Mostra Guaporé e o evento para muitos deveria ter sido cancelado por medo da gripe suína. Deixo uma frase, que faz você pensar:

"Onde o medo está presente, a sabedoria não consegue estar."

A ignorância geralmente é a fonte de todos os medos. Não no sentido pejorativo da palavra, mas no sentido de desconhecer. Desconhecer que tomados os cuidados necessários, é possível aproveitar os eventos de inverno com responsabilidade e diversão. E que se alguém tiver que pegar gripe... pode pegar no trabalho, na lanchonete, no banco, nas lojas, até em casa!

Mas as pessoas se impressionam, aumentam os casos, inventam os casos, “matam” pessoas, confirmam suspeitos sem exames, correm para plantões hospitalares diante do primeiro espirro, discriminam as pessoas que pegaram a doença e disseminam medo por onde passam.

Confirmado o primeiro caso em Serafina de gripe A, uma senhora de Guaporé liga querendo saber se era obrigatório usar máscara pela cidade de Guaporé. Tive vontade de dizer:
- Não minha senhora. Fique tranquila que já incineramos a doente em Serafina, bem como todos os familiares que podiam estar contaminados e isolamos uma área de 5 km quadrados na residência dessa pessoa.

"O medo é a maior das doenças, porque paralisa o corpo e a mente."
Gente, vamos cair na real. Medidas de segurança são bem vindas. Mas pânico não. Isso só piora tudo. Grupos de risco precisam estar ainda mais atentos. Medidas cabíveis devem ser tomadas. Mas com coerência.

Há muito medo e desinformação. Quando fui pro Chile, algumas pessoas rezavam pela minha vida, outras me chamaram de louca, de irresponsável. Quando voltei, muito bem de saúde e muito feliz, vi que havia mais casos por aqui do que por lá. E então? O medo de viajar teria me sido útil? Claro que não!

Outra frase que deixo:

"O medo derrota mais pessoas que qualquer outra coisa no mundo."

Quantos deixam de prestar concursos por medo de fracassar? Quantos deixam de manifestar sua opinião por medo de parecer tolos? Quantos deixam de amar por medo de sofrer? Quantos deixam de ser feliz por medo de errar?

Somos prisioneiros do medo, somos reféns dele.

Eu sou medrosa. Não dirijo por medo. Não me arrisco por medo. Não ouso por medo.

Medo do que vão pensar, do que vão falar, de parecer ridícula, de tomar uma decisão errada. De fracassar.

O medo já é meu maior fracasso!

"As massas humanas mais perigosas são aquelas em cujas veias foi injetado o veneno do medo. Do medo da mudança."

Tudo muda o tempo todo no mundo. O medo de mudar é também um câncer que se espalha pelo mundo. Incitando o medo nas pessoas é que criaram-se os ditadores, os fanáticos nas religiões, as grandes nações que não são livres.

Precisamos nos livrar do medo irracional. Do medo de sermos, de sentirmos, de amarmos, de mudarmos, de nos libertarmos. Precisamos perder o medo de sermos sinceramente felizes, mesmo que tenhamos que amargar alguns fracassos pelo caminho.

E pra finalizar, mais uma frase de efeito (adorooooo):

"Evitar a felicidade com medo que ela acabe é o melhor meio de ser infeliz."

Isso vale para quem diz: não faria nada que no futuro pudesse te fazer sofrer.

Gente, nem sabemos se vamos estar vivos amanhã. A vida, é AGORA!

Mas mudando de assunto...

Eu me surpreendo com a nossa terra! Sempre reviso as revistas do Tamar, e neste ano na publicação sobre a Mostra fiquei ainda mais encantada com as publicidades de nossas empresas! Produtos lindos, produções de bom gosto, investimento em publicidade e qualificação dos nossos profissionais! Quanta diferença entre uma propaganda bem feita e uma “meia boca”. Gente, no mundo publicitário, imagem é TUDO!

Também fico muito contente em poder dizer que Guaporé tem produtos de incrível bom gosto (em sua maioria), com muita criatividade e com diferenciais. Por onde vou, saio espalhando que minha terra tem produtos para mulheres que são verdadeiras divas da moda!

Aliás... vamos combinar que nossas guaporenses (com raras e espetaculosas exceções) sabem se vestir, sabem usar acessórios e sabem ser bonitas, inteligentes, batalhadoras e interessantes! Ô terrinha de mulher boa!

2 comentários: